Pesquisa personalizada

O objetivo principal deste blog é chamar a sua atenção para as palavras ditas por Jesus em Mateus capítulos 24 e 25, quando respondeu à pergunta feita por seus discípulos: "... Dize-nos, quando serão estas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo? (Cf. Mateus 24:3b)


Pesquisa personalizada

Pesquisa personalizada

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Conferência da ONU alerta que 70% do planeta pode sofrer com seca em 2025

Quase 70% do planeta será afetado pela seca em 2025 se não forem aplicadas políticas para frear este flagelo, advertiu nesta sexta-feira (2/10/2009) em Buenos Aires Luc Gnacadja, secretário da Convenção da ONU de Combate à Desertificação.

"Se não conseguirmos solucionar este problema da Terra, em 2025 quase 70% dela estará muito afetada", destacou Gnacadja, falando em uma conferência.

Jarbas Oliveira - 10.dez.2004/Folha Imagem
Garimpeiro Juraci Barbosa da Cunha, 50, em estrada de área no sul do Piauí que tem um dos maiores índices de desertificação do Brasil
Garimpeiro Juraci Barbosa da Cunha, 50, em estrada de área no sul do Piauí que tem um dos maiores índices de desertificação do Brasil

Atualmente, a seca afeta pelo menos 41% do planeta, e o processo de degradação aumentou entre 15% e 25% desde 1990, segundo um relatório sobre a situação climática mundial apresentado à imprensa durante o encontro.

Gnacadja ressaltou a gravidade do panorama a longo prazo no encerramento da 9ª Conferência das Partes da Convenção da ONU de Combate à Desertificação, que aconteceu entre 22 de setembro e 2 de outubro na capital argentina.

O secretário afirmou ainda que houve um consenso no encontro sobre a necessidade de monitorar e determinar os indicadores para compreender a situação atual em detalhes, o ritmo do avanço da desertificação e maneiras de lutar contra ela.

Além disso, indicou que "não há segurança mundial sem segurança alimentar" nas zonas secas e que "é preciso um acordo verde" por parte dos países desenvolvidos para trabalhar nesses lugares, referindo-se à necessidade de um compromisso político das potências.[Fonte: Folhaonline]

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada